{source}{/source} Pastoral da Criança - A importância de brincar sem brinquedo

Tema: Brincar 

1495_alimentos_ricos_em_proteinas_e_ferro

Foto: Acervo da Pastoral da Criança

A criança brinca por necessidade e ao brincar aprimora os sentidos da visão, audição, tato, e consegue aperfeiçoar seus movimentos. Na brincadeira desenvolve sua linguagem e seu pensamento, aprende e compreende as atividades, os costumes e a viver em comunidade. Brincar sem brinquedos é uma oportunidade que favorece a criação de espaços lúdicos e interativos tanto para os pequenos como para os adultos. É papel da família e da comunidade criar ambiente favorável, limpo e seguro, para que a criança possa explorar, se divertir e aprender novas possibilidades de realizar livres escolhas e construir boas relações de autonomia. Para falar sobre o assunto, convidamos Ir. Veroni Medeiros, Assessora Técnica em Desenvolvimento Infantil da Coordenação Nacional da Pastoral da Criança

Qual é a importância do brincar para o desenvolvimento infantil?

Através do brincar, a criança forma o seu pensamento, descobre o mundo, constrói autonomia, aumenta a sua autoestima e cresce como pessoa. No Brasil, os direitos de brincar estão protegidos pela Constituição Federal, pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, pela Lei 13257, de 2016, mais conhecida como o Marco Legal da Primeira Infância.

Parece que quando se fala em brinquedos, só se pensa em brinquedos que vêm das lojas. A senhora poderia explicar o que é um brinquedo e o que é uma brincadeira?

Viva a VidaPrograma de rádio Viva a Vida
1496 - A importância de brincar sem brinquedo - 25/05/2020


Esta entrevista é parte do Programa de Rádio Viva a Vida da Pastoral da Criança.
Ouça o programa de 15 minutos na íntegra

       

O brinquedo é o objeto utilizado para divertir a criança e sempre deve aguçar e estimular o interesse da criança. A brincadeira é a ação de brincar que favorece o divertimento, a curiosidade e o desejo de realizar outras descobertas.

E como as crianças podem brincar sem os brinquedos das lojas?

A criança gosta muito mais de explorar os objetos da casa do que um brinquedo comprado. A brincadeira acontece quando os pais criam espaços divertidos, sentam no chão, contam histórias, conversam com as crianças e oferecem objetos simples, mas que têm muitos jeitos de explorar e brincar.

Como a família pode promover um ambiente favorável para a criança brincar? 

veroni medeiros

Irmã Veroni Medeiros 

Um ambiente favorável pode ser organizado dentro de casa ou fora de casa. Como por exemplo: uma toalha, um lençol, colocados sobre duas cadeiras, dá uma bonita cabana para brincar; sentar no chão para jogar cinco-Marias; montar um quebra-cabeça ou brincar de faz-de-conta com uma panela e uma colher de pau faz toda a diferença. Ambiente favorável é sempre aquele que a criança se sente segura, amada e cuidada.

Como é que os pais podem organizar brincadeiras onde não há espaço ou o espaço em casa ou nas comunidades é muito pequeno? Que alternativas existem hoje?

Podemos pensar em pequenos espaços dentro e fora da casa. As famílias acompanhadas pela Pastoral da Criança, depois da pandemia, podem levar os seus filhos para participar da Celebração da Vida e brincar com os brinquedistas.

Leia a entrevista na íntegra: 1496 - A importância de brincar sem brinquedo (.PDF)

 

E SDG Icons NoText 033º Objetivo de Desenvolvimento Sustentável

“Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades”

 Os líderes da Pastoral da Criança compartilham informações e conhecimentos sobre saúde, entre elas sobre a importância da prática de atividades físicas, para que todas as famílias (idosos, adultos, gestantes e crianças) tenham uma vida saudável e possam se desenvolver plenamente, conforme o 3º Objetivo do Desenvolvimento Sustentável (ODS), promovido pela ONU.

 

Dra. Zilda

“Desde pequenininho devemos incentivar as crianças a fazer exercício e brincar de tudo, pois isso faz parte da prevenção de muitas doenças”.

Papa Francisco

“Jesus não é um personagem do passado: Ele continua sempre a iluminar o caminho do homem”.