{source}{/source} Pastoral da Criança - Dia das mães

Tema: Dia das Mães

1491_gestacao_e_1000_dias

Foto: Acervo da Pastoral da Criança

Celebrar o Dia das Mães é mais do que dar presentes. É demonstrar todo o amor que sentimos por elas e, também, refletir sobre o papel que as mulheres desempenham na formação dos filhos e se os seus direitos estão sendo garantidos (como atendimento de qualidade nos postos de saúde, participação comunitária, amamentação, licença maternidade e tantos outros).

Para conversar sobre a importância da mãe para os filhos e celebrar os Dia das Mães, a Pastoral da Criança entrevistou a Ir. Veneranda Alencar, Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança.

Para você, o que define o ser mãe?

Ser mãe é uma dádiva de Deus, é tocar o céu, é ganhar o maior dos troféus. O Dia das Mães é super especial porque celebramos com carinho àquela que coopera com a ternura maior e infinita de Deus. Lembramos também àquela que foi escolhida para ser a mãe de Jesus, nosso salvador e, com certeza, os nossos sentimentos são de gratidão, de louvor e de festa pelas nossas mães.

Viva a VidaPrograma de rádio Viva a Vida
1493 - Dia das Mães - 04/05/2020


Esta entrevista é parte do Programa de Rádio Viva a Vida da Pastoral da Criança.
Ouça o programa de 15 minutos na íntegra

      

Como se desenvolve o vínculo da mãe com o bebê?

Desde o ventre materno a ligação mãe e filho já é intensa. Quando nasce o bebê ele se relaciona com a mãe de várias maneiras! O primeiro encontro do bebê se dá com as mãos da mãe, mãos que tocam, que lavam, que acariciam, que seguram o ele no colo. O segundo momento é através do rosto da mãe, com o sorriso dela. O terceiro é através do seio, pois no momento da amamentação o bebê se nutre do leite e da palavra carinhosa de sua mãe. O quarto tipo de relacionamento é através da presença da mãe, é como se a mãe dissesse para o bebê: “eis me aqui”. E por último vem também a ausência da mãe, porque a mãe precisa trabalhar e não pode ficar o tempo todo com o bebê, e ele aprende que existem também momentos de ausência da mãe. E assim ele vai crescendo em estatura, sabedoria e graça.

veroni medeiros

Ir. Veneranda da Silva Alencar
Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança.
 

Qual a sua mensagem para o dia das mães?

Agradeço de coração às mães acompanhadas pela Pastoral da Criança e parabenizo todas as líderes que são mães e colaboram com outras mães levando a orientação e esperança na luta por vida plena. Que a Virgem Mãe de Deus e nossa cubra com seu manto todas as mães, sempre agraciadas com a ternura divina. Viva nossas mães, viva!

Leia a entrevista na íntegra: 1493 - A missão de ser mãe (.PDF)

 

 

 

 

 

E SDG Icons NoText 033º Objetivo de Desenvolvimento Sustentável

“Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades”

Ao visitar as mães e as gestantes, os voluntários da Pastoral da Criança acompanham seus medos, angústias, alegrias e felicidades. E levam informações para que elas possam ter uma vida saudável e cuidar da melhor forma possível de seus filhos. Ação que assegura o bem-estar de todos, como proposto pelo 3º Objetivo do Desenvolvimento Sustentável (ODS), promovido pela ONU.

  

Dra. Zilda

"Ser mãe é ter uma missão importantíssima. É como se a gente zelasse por uma flor que, realmente, vai ser muito linda. A criança quando é bem cuidada, com muito carinho e muito amor, ela vai, naturalmente, ser assim, uma pessoa que vai transformar onde estiver. Ela vai ser feliz na família, no trabalho e na comunidade”.

Papa Francisco

“As mães sabem testemunhar sempre, mesmo nos piores momentos, a ternura, a dedicação, a força moral.”